Dieta low FODMAP: o que é e para quem é indicada

Dieta low FODMAP: o que é e para quem é indicada?

Você já ouviu falar nos alimentos FODMAP ou, ainda, na dieta low FODMAP? Não é uma dieta que promete emagrecimento, mas sim a melhora de sintomas intestinais. Por isso, não é tão falada e comentada pela população em geral.

Neste post, vou te contar tudo sobre essa classificação e como funciona a dieta preventiva. Acompanhe!

O que são alimentos FODMAP?

FODMAP é um termo em inglês, originado das palavras fermentable, oligosaccharides, disaccharides, monosaccharides e polyols, que contempla um grupo de alimentos. No português, refere-se a cinco carboidratos que são fermentativos e não digeridos pelo nosso intestino. São eles: os monossacarídeos, dissacarídeos, fruto-oligossacarídeo, galacto-oligassacarídeo e polióis.

A dieta low FODMAP, também chamada de dieta restrita em FODMAP, surgiu em 2010, com o objetivo de melhorar sintomas causados pelo desconforto intestinal provocado pela ingestão desses alimentos em algumas pessoas.

Os alimentos, quando ingeridos, sofrem ação de enzimas para serem digeridos e absorvidos. No caso dos alimentos FODMAP, vão direto para o intestino para serem fermentados por bactérias. Por isso, em algumas pessoas, ocorre o desconforto intestinal.

Quais são os sintomas do desconforto intestinal provocado pelos FODMAP?

  • Cólicas;
  • Diarreia;
  • Dores abdominais;
  • Constipação;
  • Flatulência (gases).

Em alguns casos mais específicos, pode provocar sensação de refluxo ou enjoo.

Como é realizada a dieta low FODMAP?

A dieta low FODMAP não é indicada para todas as pessoas, mas sim para aquelas que realmente apresentam o problema, como no caso da Síndrome do Intestino Irritável (SII). Esse tipo de dieta se resume em excluir algumas frutas, hortaliças, cereais, oleaginosas, leguminosas e lácteos, que são responsáveis por desencadear os sintomas.

São excluídos da alimentação somente os carboidratos que não são bem digeridos e absorvidos pelo organismo. Não é um dieta que precisa ser feita a vida toda, tem tempo para acabar. O tempo para que os sintomas desapareçam ou não é de 6 a 8 semanas. Após esse período, é realizada uma nova avaliação e iniciada a reintrodução desses alimentos de forma gradual.

Durante a fase de exclusão, a nutricionista irá adequar a dieta de forma que não falte nenhum nutriente na alimentação. Portanto, não deve ser realizada sem o acompanhamento de um profissional.

Quais alimentos são excluídos?

Monossacarídeos: são carboidratos simples, conhecidos como frutose, naturalmente encontrados em grandes quantidades em algumas frutas. Na indústria, são encontrados no xarope de milho e xarope de frutose, que são adicionados em biscoitos, geléias, refrigerantes etc.

Dissacarídeos: a lactose presente no leite de vaca, de cabra, ovelha, queijos e manteigas. Também estão presentes em produtos que contenham leite e derivados em sua composição, como sorvetes, creme de leite, leite condensado e iogurtes.

Fruto-oligossacarideo (FOS): são encontrados na cebola, alho, trigo, centeio, beterraba, couve, entre outras frutas e legumes. Mas também em farinha de trigo, bolos, ketchup, maionese e carnes processadas (salsicha e presunto).

Galacto-oligossacarideo (GOS): encontrados na lentilha, grão-de-bico, feijão, grãos integrais de soja e em produtos que contenham esses alimentos.

Polióis: encontrados em algumas frutas, como pêssego, damasco, ameixa e abacate. Também estão presentes em adoçantes, com xilitol, manitol, sorbitol.

Antes de iniciar uma dieta low FODMAP, é preciso ter certeza que os sintomas são causados por esses alimentos. Já que estes, em sua maioria, são fontes de nutrientes e também servem como prebióticos, importante para o crescimento de bactérias benéficas no nosso intestino.

Além disso, outros alimentos nada relacionados com os FODMAP podem desencadear desconfortos intestinais, como a cafeína, o álcool e alimentos ricos em condimentos. Por isso, é importante consultar uma nutricionista e avaliar qual é o seu caso. Se você é de Porto Alegre ou região, clique aqui e agende sua consulta comigo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s